24 de março de 2010

Mensagens espalham boatos sobre vacina contra a gripe suína

O jornal Extra da última quinta-feira (18) trouxe uma matéria bem interessante sobre e-mails que têm espalhado informações falsas sobre a vacina da gripe suína.
Segundo a publicação, as mensagens alertam para riscos que a vacina pode causar e pedem para a mesma seja evitada.
A equipe do jornal entrou em contato com o Ministério da Saúde, que desmentiu todas as informações, garantindo que a vacina é segura e já foi usada em outros países.

7 comentários:

FERNANDO disse...

Bom dia, Victor.
O anonimato associado à Internet propicia uma falsa sensação de liberdade que não raro leva alguém a dizer (impunemente) o que bem entende a respeito de quem quer que seja – quando não a atribuir a outrem acusações infundadas, polêmicas ou difamatórias.
Nunca se teve tanto acesso à informação quanto atualmente. Um estudo feito nos EUA dá conta de que as pessoas passam quase 12 horas por dia consumindo informação (lendo ou ouvindo mais de 100 mil palavras/dia, o que corresponde a uma Bíblia por semana).
A Web é um riu caudaloso em cujas águas há que se ter cuidado ao navegar. É preciso separar o joio do trigo, e alertas como este (e, por que não dizer, como alguns que eu costumo postar lá no meu humilde site) são sempre muito bem-vindos.
Um grande abraço, amigão.

updatefreud disse...

Esse pessoal tem que arrumar alguma "coisa" mais útil para fazer na internet, que é uma ferramenta muito boa para aqueles que têm boas intenções, e há muitos internautas que a usam para o bem.

Amapola disse...

Bom dia.
Eu recebi um e-mail, dizendo que na Itália, uma pessoa tomou a vacina e na mesma hora, ficou paralítica.

Um grande abraço.

Samea Romero disse...

Nossa eu tenho medo,mas ainda bem que aqui em Mt quase não tem casos da H1N1,mas não sei se tenho coragem de tomar a vacina,até agora aqui no Brasil não deu nenhum efeito colateral nas pessoas,bem é o que pensamos né!
Que os brasileiros sempre abafa as coisas importantes para não assustar o povo!

emerson disse...

Ministério da saúde:" Não podemos colocar a saúde pública em risco por causa de teorias e boatos irresponsáveis e sem nenhum evidência que são verdadeiros."
O único boato irresponsável é de que a vacina é segura e de que a gripe suína é muito perigosa!! Nao se deixe enganar, cheque as notícias, todas tem fontes!


- Opinião de profissionais altamente qualificados sobre o vírus H1N1 e a vacina
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/opiniao-de-profissionais-altamente.html
- Bomba: Diário Digital de Portugal: Gripe A(H1N1): OMS e farmacêuticas acusadas de alarmismo
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/diario-digital-de-portugal-gripe-ah1n1.html
- Estadao: Para Conselho da Europa, OMS exagerou no alerta de gripe suína
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/estadao-para-conselho-da-europa-oms.html
- Documento de Estratégia de Vacinação Nacional Contra H1N1 Prevê Doenças Graves como Guillan Barre
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/documento-de-estrategia-de-vacinacao.html
- Bill Gates admite que vacinas são usadas para depopulação humana
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/bill-gates-admite-que-vacinas-sao.html
- BBC: Gripe Suína na Inglaterra : Das Manchetes à Notícia do Passado
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/bbc-gripe-suina-na-inglaterra-das.html
- [VIDEO] Grávidas perdem bebé depois de tomar vacina da Gripe A
http://www.anovaordemmundial.com/2010/04/video-gravidas-perdem-bebe-depois-de.html
- Pará: Bebê morre ao receber vacina contra Gripe A
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/para-bebe-morre-ao-receber-vacina.html
- China Reporta Problemas de Paralisia com a Vacina Contra a Gripe Suína / H1N1
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/china-reporta-problemas-de-paralisia.html
- Ministra da saúde francesa duramente interrogada sobre os conflitos de interesse na vacinação contra o H1N1
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/ministra-da-saude-duramenteinterrogada.html
- Suécia: Gripe A: Homem morre após tomar vacina
http://www.anovaordemmundial.com/2010/03/suecia-gripe-homem-morre-apos-tomar.html

Ministério da saúde disse...

Amapola,

O Ministério da Saúde adverte que os e-mails que estão circulando na Internet contrários à Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza H1N1 trazem informações falsas que não condizem com a realidade. Além de serem prejudiciais à saúde pública do país, eles tratam de especulações. Não é verdade. O fato é que mais de 300 milhões de pessoas já foram vacinadas com esta vacina no Hemisfério Norte, sem qualquer efeito colateral grave. A vacina é eficaz, segura e protege a população.

E-mails e boatos irresponsáveis como esses ocorrem em todas as campanhas realizadas pelo mundo. Fato semelhante ocorreu no Brasil, durante a Campanha Nacional de Vacinação contra a Rubéola. Naquela época, circularam na internet boatos de que, ao invés de imunizar a população, o Governo brasileiro pretendia esterilizar as pessoas em idade reprodutiva para fazer controle de natalidade. Mas, felizmente, a campanha foi um sucesso e o Brasil está prestes a receber o certificado de País Livre da Rubéola e da Síndrome da Rubéola Congênita. Graças às campanhas de imunização, o Brasil também está livre da Poliomielite e da Varíola.

Teorias de conspirações como essas servem apenas para provocar pânico na sociedade. O Ministério da Saúde orienta que, ao receber um e-mail com igual teor, encaminhe a todos os destinatários esta resposta oficial, para que informações falsas não possam tomar maiores proporções, prejudicando o funcionamento de campanhas importantes à saúde dos cidadãos.

Para obter informações verídicas sobre a campanha, acesse canais oficiais como o Portal da campanha do Ministério da Saúde www.vacinacaoinfluenza.com.br ou o site da Organização Mundial de Saúde (OMS) www.who.int.

Em caso de dúvidas: fernanda.scavacini@saude.gov.br

Ministério da saúde disse...

Samea Romero,

O vírus Influenza H1N1 representa uma ameaça, e deve ser contida da melhor forma possível, que é por meio da vacinação. Foram milhares de mortes no Brasil e no Mundo.

A vacina contra Influenza H1N1 é segura. Ela foi devidamente testada. Esta vacina já foi utilizada em 84 milhões de pessoas no Brasil, sem efeitos colaterais graves.

Quanto aos efeitos colaterais, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os principais efeitos colaterais da vacina são dores de cabeça, nos músculos e articulações e febre. São sintomas leves, que devem durar cerca de dois dias. Em casos mais raros, pode haver reação alérgica.

Mais informações:
comunicacao@saude.gov.br

Postar um comentário

- Comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se com um nome válido!

- Também não é permitido deixar links no campo "Nome". Se você quer, por exemplo, divulgar o endereço do seu blog, use o campo "URL".

- Por fim, vale lembrar que os comentários aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do administrador deste blog.

Related Posts with Thumbnails